Logo ASP

Notícias



Morar Feliz: Processo de Garotinho e Rosinha tem novo relator no TJ

Armando Paiva - Agência O Dia
Rosinha e Garotinho

Rosinha e Garotinho

A novela envolvendo o processo dos ex-governadores Anthony e Rosinha Garotinho, acusados de superfaturamento e de recebimento de propina pela obra do Morar Feliz, ganhou um novo capítulo nesta quarta-feira (18). A ação ganhou um novo relator na segunda instância (o terceiro em três semanas), o desembargador Celso Ferreira Filho.


Inicialmente, o processo foi sorteado para a 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ). Porém, o colegiado é presidido pelo desembargador Luiz Zveiter, desafeto público de Garotinho e que possui diversas ações por calúnia e difamação contra o ex-governador. Desta forma, a própria Câmara se declarou impedida para o julgamento.


A partir disso, os autos foram redistribuídos para a 2ª Câmara Criminal, considerada uma das mais rígidas do Tribunal. A desembargadora Katia Maria Amaral Jangutta foi sorteada como relatora, porém, ela também alegou suspeição nessa terça-feira (18) e o processo, enfim, parou nas mãos de Celso Ferreira Filho.


Em entrevista à GloboNews, a promotora Ludimilla Bissonho, do Ministério Público estadual, falou dos relatos de uma testemunha que alega ter sido ameaçada de morte. A partir disso, o MP pretende pedir novamente a prisão do casal Garotinho. O pedido será analisado pelo relator.


Anthony e Rosinha foram presos no dia 3 de novembro e soltos na madrugada do dia seguinte por decisão do desembargador Siro Darlan, no plantão judiciário.

-------------------------------------------------
folha 1
http://www.folha1.com.br

Mais Notícias

Juiz Ralph Manhães questiona possível redistribuição dos royalties

Alerj vota no dia 29 projeto sobre progressão funcional de servidores do Judiciário

Campanha de doação de medula mobiliza pessoas na corrida Federal kids

CNJ começa a julgar Glaucenir por áudio sobre Gilmar Mendes

Caso Marielle: Réu criou empresa na região do crime em área da prefeitura...

Pós-Graduação da UENF tem inscrições abertas a partir desta segunda

AGORA É LEI: ESCOLAS PÚBLICAS E PARTICULARES TERÃO QUE CADASTRAR OS RESPONSÁVEIS POR RETIRAR ALUNOS

Defensoria Pública tem 30 dias para justificar reajuste de vale-transporte de servidores

Bolsonaro diz que não pretende acabar com estabilidade de servidor

CNJ condena 21 magistrados que cobraram de R$ 750 a R$ 400 mil por sentença

MEC destina maior parte de verba desbloqueada para universidades

WHATSAPP ELIMINA 1,5 MILHÃO DE CONTAS DE USUÁRIOS BRASILEIROS

Eike é condenado por manipulação de mercado e uso de informações privilegiadas

Mudanças no Ministério Público

Em Brasília, Rafael fala sobre contorno da BR 101

Janot diz que foi armado ao STF para matar Gilmar Mendes

COMPANHIAS AÉREAS SEGUEM AUTORIZADAS A COBRAR POR BAGAGEM APÓS DECISÃO DO CONGRESSO

PROJETO AUTORIZA VOLTA DA “GERAL” NO MARACANÃ

Secretário de Fazenda do Rio garante pagamento de 13º salário dos servidores em dezembro

União estabelece datas de recesso de fim de ano para servidores federais

ALERJ TENTARÁ RECUPERAR RECURSOS PARA SANEAMENTO NO ENTORNO DA BAÍA DE GUANABARA

Primeiras oitivas da CPI da Previcampos acontecem nesta segunda

Estados e municípios têm até sexta para aderir a modelo cívico-militar

Comemoração do Dia Mundial da Árvore com ações de reflorestamento em Campos

Pista principal do aeroporto Santos Dumont reabre neste sábado

<< PÁGINA ANTERIOR

Envie seu comentário!

Nome:

E-mail:

Comentário:


Publicidade

  • GClin Campos

  • WIZARD IDIOMAS

  • MEGAFARMA

  • ASP JUSTIÇA

    A LOGOMARCA É SÍMBOLO DA NOSSA UNIÃO. UTILIZE SEU ADESIVO!

Previsão do tempo

Redes sociais

Blog ASP Justiça

Twitter ASP Justiça

Consulte seu extrato

>>

Estatuto ASP Justiça

>>

Seja sócio da ASP Justiça

>>

Links e telefones úteis

>>

Site ASP 2009/2011

>>

Av. Quinze de Novembro, nº. 289 • 4º Andar • Sala ASP Justiça • Centro • Cep. 28035-100 • Campos dos Goytacazes-RJ
E-mail: aspjustica.aspjustica@gmail.com • © Copyright • Novembro/2009 • Todos os direitos reservados a ASP JUSTIÇA
Site feito byChucas: byChucas